5 motivos para amar Coco Rocha

4 de abril de 2013

Quando o assunto é relativo a modelos, eu sou extremamente chato e exigente. Apesar de gostar de algumas, são pouquíssimas as que conquistam meu coração. Modelos expressivas sempre ganham mais pontos comigo. Dentre essas, figuram Sasha Pivovarova e Coco Rocha. Nessa lista exponho 5 motivos pelos quais eu acho que todo mundo deveria amar a Coco, essa canadense virginiana com descendência russa, irlandesa e galesa que é uma linda. ♥

Dançando, dançando, dançando, dan dan dan dan dançando…

Coco foi descoberta em 2002 em uma competição de dança irlandesa. Até então, ela nunca tinha pensado em seguir carreira de modelo. Anos depois, já com sua carreira consolidada, ela abriu o desfile de outono/inverno 2007 de Jean Paul Gaultier fazendo uma dança irlandesa na passarela. Na época, a Vogue americana apelidou esse momento como “The Coco Moment” e sugeriu que esse seria um sinal de que a indústria da moda havia perdido as supermodelos. Sim, a moda perdeu praticamente todas as supermodelos dos anos 80/90, mas ganhou supermodelos novinhas para chamar de suas, dentre elas a própria Coco Rocha.

Camaleoa!

Mesmo com uma beleza bem particular, ela é uma modelo extremamente versátil. Consegue transitar entre o conceitual e o comercial, entre o pronto-pra-usar e a alta-costura com uma maestria impressionante. Já fez campanhas pra marcas como Lanvin, Dolce & Gabbana, Balenciaga, H&M, Uniqlo e a brasileira Lança Perfume, e desfilou nas passarelas de Chanel, Badgley Mischka, Anna Sui, Rodarte e Elie Saab. Capas de revista? Só da Vogue foram 14 (edições americana, brasileira, italiana, japonesa, mexicana, coreana, espanhola e latino americana), além de outras publicações, tais como a Numéro, W, Harper’s Bazaar, Dazed & Confused e i-D. E claro que essa lista não para de crescer…
5 vezes Coco ♥

Máquina de posar

Além de seus traços únicos, Coco é conhecida pela sua incrível habilidade de posar. Creio que atualmente ela é uma das modelos mais incríveis nesse quesito. Ela consegue fazer 50 poses diferentes em 30 segundos,  tá bom ou quer mais? Confesso que fiquei viciado em ver vídeos de making of dela, só pra vê-la em ação diante das câmeras. Um dos meus preferidos é esse, que ela fez para a Target, loja de departamentos americana, em que vemos a linda em toda sua glória!

 

Além das passarelas

Extremamente ligada a questões humanitárias, Coco participa de várias ações. Além de lutar por condições de trabalho justas e seguras para as modelos, fazendo parte do grupo The Model Alliance, ela ajuda outros grupos ao redor do mundo. Um deles é o Senhoa, que fica no Cambodia e resgata garotas do tráfico humano e dá emprego, moradia e estudos a elas. Ela desenhou uma linha de jóias com a renda revertida especialmente para esse projeto. Ela também participa do LakayPam, grupo que ajuda crianças órfãs do Haiti, tanto que ela, a modelo e amiga Behati Prinsloo e o marido, o cineasta James Conran, foram até lá e gravaram um documentário para chamar atenção para a situação em que os haitianos se encontravam após o terremoto de 2010. Acho muito válido quando figuras públicas usam sua imagem para ajudar e fazer o bem ao próximo, afinal, qual sentido teria em ser famoso e ficar de braços cruzados?!

Let’s rock?! 

Além de tudo isso, ela canta! Ela gravou a canção I Wanna especificamente pra esse vídeo, que corresponde ao editorial  “Coco + Cavalli” que virá na Hunger Magazine. No vídeo Coco dança e brinca de ser rockstar usando peças da coleção de verão 2013 de Roberto Cavalli. Mais do que provado que ela pode fazer qualquer coisa, não é mesmo?!

By Ianarã Bernardino

Apaixonado por moda, música e tudo que é novo e interessante. Diretor Criativo, Stylist, Blogger & DJ Morbid Glamour.

3 Comments

  1. Responder

    Anônimo

    é verdade que ela é Testemunha de Jeová?

    1. Responder

      Ianarã Bernardino

      É verdade sim, tanto que ela não faz Victoria's Secret nem um monte de outros tipos de trabalho por causas religiosas. E mesmo assim ela consegue ser incrível e muito melhor do que muita modelo que sai por ai mostrando o peito, né?

    2. Responder

      Anônimo

      Amém! E pra por a cereja no topo do bolo, ela ainda advoga pelos direitos de modelos que estão começando a carreira para não serem exploradas.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *