5 programas que marcaram minha vida

Esse é um dos temas mensais do Rotaroots, que foi sugerido em comemoração ao Dia da Televisão. No Brasil é comemorado no dia 11 de agosto em homenagem à sua padroeira, Santa Clara, nascida nesse dia. Mesmo não tendo mais um aparelho televisor em casa há uns anos, passei uma boa parte da minha vida ligado nas programações dos canais brasileiros e internacionais (bendita TV a cabo!), por isso resolvi participar listando os cinco programas que marcaram minha vida. Foi bem difícil selecionar apenas cinco, conseguiria citar pelo menos uns quinze, porém como já falei bastante sobre alguns aqui no blog (tipo Sex And The City e Gossip Girl) selecionei os que nunca foram citados antes.

Beetlejuice

Meu desenho favorito quando eu era criança. Lembro que eu amava a roupa do Beetlejuice e sonhava em ter um amigo igual a ele, além de ser apaixonado pela Lydia. Aliás, desde aquela época eu já me via um pouco como ela: solitário, com uma personalidade estranha e um gosto bem peculiar, sem mencionar a vibe gótica. Até camiseta do Beetlejuice eu tinha! Vou procurar e depois posto no meu Instagram. E sim, eu era uma criança estranha.

UPDATE: Como prometido…

Mundo da Lua

Fiquei na dúvida entre citar Mundo da Lua ou Castelo Rá-Tim-Bum, levando em consideração que eu assisti muito mais o segundo do que o primeiro. Porém esse seriado me marcou bastante, em especial o episódio O Que Você Vai Ser Quando Crescer?, onde a irmã do personagem principal Lucas Silva e Silva era uma estilista que criava roupas de papel e, bem na hora do desfile (que era em um local aberto, claro), começava a chover bastante, arruinando todas as roupas. Acho que essa é a referência de moda mais antiga que eu lembro de ter visto na televisão. Talvez hajam outras, mas nenhuma me marcou tanto quanto essa.

Xica da Silva

Na época em que passou a novela Xica da Silva na extinta Rede Manchete eu não tinha idade o suficiente para assisti-la. E quem disse que eu me importava? Ficava com a televisão ligada até tarde da noite assistindo as peripécias da escrava que virou rainha. Foi uma das novelas mais polêmicas dos anos 90, que além de ser inspirada por personagens e fatos reais, utilizou alta tecnologia (dentro dos limites da época, claro) para retratar fielmente a história. As cenas de violência como estupros, assassinatos, torturas, além das cenas de nudez e sexo eram bastante realistas. Engraçado perceber que nada disso me impressionava ou chocava, considerando que na época eu tinha por volta dos seis ou sete anos de idade. É, eu realmente era uma criança estranha.

Presença de Anita

Mais uma que eu assistia sem poder. Na época eu deveria ter uns onze anos, e lembro bem das cenas de Presença de Anita, que se passava em uma cidade fictícia no interior de São Paulo. Eu amava como a Anita era misteriosa e sedutora. Gostava bastante dos diálogos filosóficos que ela tinha com Nando e Zezinho, seduzidos por ela durante a trama. A abertura era bem emblemática, com a personagem de Mel Lisboa “brincando” de casinha com os outros personagens, deixando claro que sua presença mexia com todos e que era ela quem estava no controle. Muito nostálgico.

Sailor Moon

Outro desenho que marcou minha infância televisiva. Era tão obcecado por Sailor Moon que eu gravava os episódios em fita VHS para ficar assistindo depois. Inclusive prometo que assim que terminar esse semestre farei uma maratona com todas as temporadas só para matar as saudades. Ah, e diferente da maioria dos fãs, eu preferia muito mais o encerramento do que a abertura. Sério, eu super me emocionava quando ouvia a música dos créditos, além de achar o minimalismo das imagens muito mais interessante do que a explosão de cores do início do anime. 

Foto: Beetlejuice (Reprodução)

Post Author
Ianarã Bernardino
Ataco de Diretor Criativo, Designer & DJ. Também ataco de astrólogo (pros amigos) e de master chef (quando tô de bom humor). :)

Comments 2

  1. Feufa Maciel
    ago 7, 2014 Reply

    Também assisti Presença de Anita, a novela proibida para menores de 16 né? Cenas polêmicas!

    Vi seu blog no Rotaroots.
    Bjs.
    http://www.feufolandia.blogspot.com

    • Ianarã Bernardino
      ago 8, 2014 Reply

      Foi beeem polêmica, mas Xica da Silva era bem mais, hahaha!

      Obrigado pelo comentário. =)

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *