5 bandas de kpop que você precisa ouvir

A música pop americana é uma das indústrias mais fortes do mundo, isso não é novidade pra ninguém. Porém, sabe quando alguém pega algo e consegue fazer muito melhor diferente, com personalidade e super interessante? Pois é, foi por causa disso que eu acabei ficando viciado em k-pop, o pop feito pelos coreanos. Por lá, esse estilo musical é uma indústria muito mais forte e, poderia arriscar a dizer, mais organizada e próspera que a feita aqui pelo ocidente. Dentre várias semelhanças, há algumas diferenças bem interessantes:

  • Existem poucos artistas solo nesse estilo. Geralmente são grupos de no mínimo três integrantes, sem limite de membros;
  • Todos os grupos são formados por empresas de entretenimento, desde as maiores até as menos conhecidas;
  • Eles sempre encaixam alguma palavra em inglês (ou até mesmo um refrão inteiro) nas músicas. Pelo que andei pesquisando, é uma forma de melhorar sonoridade da música e também de deixa-las mais fáceis para que fãs ocidentais consigam acompanhar;
  • Cada música de trabalho possui uma coreografia e, mesmo depois de anos, eles sempre dançam a mesma nas apresentações;
  • Todo single lançado possui uma estética bem definida que as bandas carregam para quase todas as apresentações ao vivo. Não é incomum vê-los com os mesmos figurinos e até com alguns efeitos do clipe no palco;
  • É bem comum ver um grupo cantando músicas de outros grupos, inclusive os fãs coreanos gostam quando isso acontece. Algumas vezes, quando um grupo masculino apresenta uma performance de um grupo feminino, eles até colocam perucas e figurinos para parecerem com as originais.

Parece bem complexo, né? Mas depois que você começa a ouvir percebe que é uma estrutura bem simples, e até mais divertida se comparada com a da música pop ocidental. Vem comigo que vou indicar cinco bandas que ando ouvindo ultimamente e que garanto, você também precisa ouvir. 😉

Girls’ Generation

Uma das minhas preferidas e a primeira que eu conheci no k-pop, lá nos idos anos de 2009. Girls’ Generation, também conhecida por SNSD (abreviação do nome em coreano), é uma das maiores bandas de pop coreanas na ativa atualmente. Além disso, elas são o girl group mais poderoso e influente do país, sendo nomeadas pelo jornal Sisa como os artistas mais influentes dos anos 2011 e 2012, tornando-se o primeiro grupo feminino na história a fazer isso. Até a Forbes elegeu as meninas como as artistas mais poderosas da Coreia do Sul no ano de 2011. Sucesso é isso ai, né não?

Dentre as várias músicas do grupo destaco a minha preferida, Gee, lançada em 2009 e que se tornou o maior hit da carreira delas. Ficou em primeiro lugar por nove semanas consecutivas no Music Bank, o maior programa de televisão musical da Coreia, e foi foi nomeada a canção da década pelo site musical coreano Melon. Fora Gee, recomendo também ouvir as músicas mais recentes das meninas, como Party, Lion Heart e You Think, para ter uma ideia da evolução que elas fizeram desde o começo da carreira até agora.

Seventeen

Uma das maiores boy bands que eu já vi. Com treze (!) integrantes, a Seventeen foi formada em 2015 e é praticamente uma banda que se auto-produz. O grupo é divido em três unidades, a Hip-hop Unit com quatro integrantes, responsável pelos raps e algumas composições, a Vocal Unit com cinco integrantes, dos meninos que cantam melhor e ajudam a compor também, e a Performance Unit com quatro integrantes, que cuida de toda a parte visual das apresentações, desde a coreografia até o conceito e visual de cada música. No fim das contas, cada apresentação vira um mini musical, com tanta gente envolvida e trabalhando pro negócio dar certo, né?

GFriend

Formado também em 2015, o GFriend é um grupo com seis meninas que está fazendo muito sucesso na Coreia do Sul. Não foi criado por nenhuma das grandes companhias de entretenimento, por isso o espanto com o sucesso estrondoso que elas vem fazendo por lá. Com apenas três EPs e três singles lançados, elas ficaram bastante famosas também pelo seu profissionalismo após um vídeo em que elas se apresentam ao vivo se tornou viral na internet (veja aqui). Nesse vídeo, o palco está extremamente escorregadio, e as meninas caem durante toda a apresentação, porém sempre se levantam e concluem a música. Tem artista ocidental que deveria aprender um pouquinho de profissionalismo com elas, não é verdade?

EXO

Apesar de ter sido formado em 2011, o EXO só foi lançado em 2012 pela S.M. Entertainment, o mesmo que criou o Girls’ Generation. Atualmente com 9 membros, eles são divididos em dois subgrupos: EXO-K, que performa as músicas em coreano, e EXO-M, que canta em mandarim. Foram considerados as celebridades coreanas mais influentes de 2015 pela Forbes, sendo que no mesmo ano eles fizeram um single especial em parceria com a Disney para promover o lançamento de Star Wars na Coreia. Além disso, estão planejando em 2016 lançar sua carreira no Japão, que também é um mercado que consome bastante esse estilo musical.

Twice

Formado em um reality show (alô Rouge!), o grupo Twice nasceu em 2015 pela JYP Entertainment. Com 9 meninas em sua formação, a banda é uma das que já iniciaram com uma vibe mais madura e irreverente, diferente da maiorias das girl bands coreanas que possuem, ou pelo menos iniciam a carreira, com um visual mais recatado.

E ai, curtiu as indicações? Se você conhece alguma que não foi citada aqui, deixa nos comentários! 🙂

Foto: Reprodução

Post Author
Ianarã Bernardino
Diretor Criativo, Stylist & Designer. Às vezes ataco de DJ, escrevo bastante e cozinho muito bem. :)

Comments 5

  1. Nary
    maio 11, 2016 Reply

    2NE1 é KPop ou Jpop? é a única q conheço. #shame

    • Ianarã Bernardino
      maio 11, 2016 Reply

      2NE1 é kpop também, hehehe. 🙂

  2. A música e o conceito incrível do FEMM – O Novo Preto
    jul 25, 2016 Reply

    […] conceito e visual de forma única, ousada e interessante. Já fiz um post sobre bandas de k-pop aqui no blog, agora é a vez do j-pop (pop japonês) ganhar uma menção […]

  3. Yccarus
    ago 31, 2017 Reply

    Gfriend <3 Amo muito

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *