A música e o conceito incrível do FEMM

25 de julho de 2016

FEMM veio pra confirmar algo que acho que vocês já perceberam: ando fissurado nos artistas orientais. Eles conseguem unir música, conceito e visual de forma única, ousada e interessante. Já fiz um post sobre bandas de k-pop aqui no blog, agora é a vez do j-pop (pop japonês) ganhar uma menção honrosa.

Far East Mention Mannequins (abreviado para FEMM), é um projeto musical que retrata “manequins da vida real” e todo o seu talento. Emily Kaiho e Hiro Todo são as líderes-criadoras da FEMM Agency Syndicate, uma agência fictícia que apóia a independência e os direitos dos manequins. Kaiho dá vida dentro do projeto à manequim RiRi e à sua própria agente, a Honey-B; já Todo é a manequim LuLa e agente W-Trouble. Além da música, elas são consideradas o “primeiro duo de manequins do mundo”.

femm_by_torixyz-d83or3m.png

Pouco se sabe como nasceu a dupla, o que se sabe é que em outubro de 2013 foi lançado o canal delas no Youtube com um teaser do projeto, onde LuLa e RiRi andam pelas ruas de Tóquio falando sobre a revolução dos manequins que se instalaria nos anos seguintes. Foi assim, com ideias bastante incomuns até mesmo para a poderosa indústria da música americana que elas conseguiram chamar atenção mundialmente, aparecendo no jornal britânico The Huffington Post e sendo indicadas pelo americano Perez Hilton.

Do dolls have hearts? Can people be moved by songs sung by dolls?

Em 2014 elas lançaram Femm-Isation, seu único álbum de estúdio até agora. Desse disco saíram 8 singles, além dos singles extraídos dos dois EPs lançados em 2014 e 2016, respectivamente.  Inclusive o EP mais recente, intitulado Pow!/L.C.S., vem num combo com o primeiro trabalho delas, bem na vibe The Fame Monster da Lady Gaga, sabe? E se você já adquiriu o Femm-Isation digitalmente, dá pra comprar o Pow!/L.C.S. junto com um CD-R, para gravar e ter sua versão física do primeiro álbum. Genial, não?

Mas o que me pegou mesmo foi o recente lançamento delas, o single duplo Neon Twillight/Countdown, que são temas da Night Nation Run in Japan, o primeiro festival que une música e corrida no mundo. Diferente de tudo que elas já lançaram mas mantendo o mesmo conceito de manequins, as duas faixas são incríveis! A estética vintage/robótica é muito interessante, além das músicas serem viciantes. Não consigo tirar Countdown do repeat!

aramajapan_femm-neon-twilight-countdown-cover
Capa do single

Manequins ostentando figurino Moschino, tá? Beijos

Música pra bater cabelo na balada

Como foi muito bem escrito no blog Why, Dougie?:

FEMM fez do que pode ser considerado um dos grandes problemas das artistas (Principalmente cantoras) pop, que é a falta de naturalidade dos movimentos deixando as coisas meio que robóticas, e transformou no grande trunfo do grupo, algo tão grande que não tem como falharem nem se elas quisessem.

E não falha mesmo, viu? Acho que vi umas duas vezes o clipe de Countdown e já tava amando essas duas. Estou desde já ansiosamente aguardando os próximos lançamentos das manequins do FEMM. 🙂

maxresdefault

femm-by-lorenzo-barassi-for-metropolis-2014-002 NekoPOP-FEMM-Interview-2014-A-Military top_slide1

Fotos: Reprodução

By Ianarã Bernardino

Apaixonado por moda, música e tudo que é novo e interessante. Diretor Criativo, Stylist, & Designer.

2 Comments

  1. Responder

    Mannequin39

    Amei! Melhor review de FEMM qu vi na internet até agora

    1. Responder

      Ianarã Bernardino

      Fico feliz que tenha curtido! 😀

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *